Nosso processo evolutivo está assinalado por inúmeros percalços e desafios
O processo evolutivo está assinalado por inúmeros percalços e desafios. Nenhum Espírito atinge a plenitude sem antes atravessar os vastos desertos da inexperiência, da falta de conhecimento e precariedade da visão da estrada.
Criado simples e ignorante, desde sua origem ainda envolta em mistérios, terá que travar intensa luta contra variados óbices que se apresentarão nas trilhas de sua ascese. Do esforço que desenvolver resultará aprendizado, acrisolamento de valores éticos e maturidade para a incessante marcha à sua frente.
Na fase da razão e do raciocínio, se lhe amadurecem mais intensamente os valores dos sentimentos e da emoção, e o entrechoque com forças contrárias será inevitável.
A paz será combatida pela violência.
A arrogância tentará empanar a simplicidade.
A vileza de caráter usará de ardis para ofuscar a ética.
A mendacidade buscará distorcer os fatos, sombreando a verdade.
Restará ao Espírito em maturação evolutiva optar por este ou aquele caminho de crescimento, tanto quanto pode estacionar seu processo de aperfeiçoamento intelecto-moral por algum tempo, nunca, porém, o tempo todo.
A Divindade possui mecanismos que impulsionam os retardatários para a caminhada que não pode cessar, já que estamos todos fadados à perfeição relativa.
Emboscado inúmeras vezes na matéria densa, experimentará o olvido temporário da vida espiritual,
identificando-se de tal maneira com a argamassa corpórea que será tomado de intensa ilusão, a ela se agarrando como se fosse seu estado natural.
Ao sopro da morte e dos desencantos, visitado pelo sofrimento depurador e pelas perdas variadas aprenderá pouco a pouco que sua destinação não está restrita ao chão do mundo e sim no fascínio das estrelas, que tremeluzem no infinito.
Converterá lágrimas em riso.
Dores em estímulo para socorrer outras vidas apagadas.
Revolta em resignação lúcida.
E de luta em luta, a consciência se dilata, abarcando o real sentido da vida, que é servir. As divinas leis, insculpidas na intimidade profunda do ser se desabrocham qual botão de rosa a caminho da floração plena, credenciando o ser a auxiliar a Divindade nas tarefas de manutenção da vida universal.
Quando se percebe filho da Criação Divina, compreende sem qualquer revolta que combateu o bom combate, domou as próprias paixões e desenvolveu em si os valores de espiritualidade que se lhe estavam latentes.
Torna-se uno com Deus.
Jesus foi o modelo mais perfeito e completo que já tivemos, pisando o solo árido do planeta ainda em sombras. Ânimus e ânima em perfeito equilíbrio. Consciência cósmica da tarefa que O trazia ao mundo material. Nada externo O atingia por estar em plenitude no reino íntimo. Permanente olhar de misericórdia e auxílio aos desvalidos da Terra, em lutas titânicas contra as próprias imperfeições. Tinha o olhar sempre no vir-a-ser, não se prendendo ao pretérito de sombras e de equívocos.
Permanece até hoje como nosso maior modelo no terreno das virtudes e no campo das relações interpessoais.
Atravessando as desérticas regiões da convivência, experimentarás os ferinos acúleos da incompreensão alheia.
Terás teus interesses pisoteados por pés truculentos e insensíveis.
Ombrearás com pigmeus morais, dificultando-te a marcha.
Nem sempre encontrarás a fonte de água pura, onde possas dessedentar-se de tuas carências afetivas.
Terás na caminhada, em largos trechos percorridos, a companhia da solidão.
Teus melhores propósitos serão distorcidos.
Nem por isso deixe de avançar. Não permutes sonhos por pesadelos.
Caído, esforça-te por levantares e prossegue mais alguns metros. E quando a chusma dos enganados e saqueadores da fé te sufocarem a alma decidida, recorda o Divino Condenado no Gólgota, suplicando a Deus que os perdoasse por não saberem o que estavam fazendo. Ergue-te uma vez mais e contempla a porta estreita.
Estás a um passo do triunfo sobre ti mesmo. Tudo mais perderá importância.
Sempre estiveste com Deus e Deus contigo.
Marta
Psicografia de Marcel Cadidé Mariano
Centro Espírita Caminho da Redenção
Mansão do Caminho
Instituição fundada por Divaldo Franco e Nilson a mais de 75 anos
Marcel também é trabalhador da Federação Espírita da Bahia a mais de 37 anos
01.04.2021

Leia ainda:  Receitas dos aeroportos ainda será profundamente sentida em 2021

Receitas dos aeroportos ainda será profundamente sentida em 2021
turismoonline.net.br – O portal do turismo, hotelaria, gastronomia, cultura, destinos e viagens – Anuncie aqui: colunaonline@gmail.com

Siga este jornalista e fotógrafo no Instagran: @jeff_severino

No Youtube também!
Fotos: Divulgação / Jefferson Severino / Assessorias de Imprensa / Arquivos Pessoais
Fontes: Assessorias de Imprensa
Leia ainda:

Receitas dos aeroportos ainda será profundamente sentida em 2021

Números de turistas estrangeiros no Brasil vem caindo desde 2019

Dados da temporada de verão em SC são publicados no Almanach Santur

Federação de Hospedagem apresenta ações para impulsionar o turismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *