Precisamos oferecer segurança para receber turistas

“Precisamos oferecer segurança para receber turistas ali na frente”, destaca Governador do RS.

A princípio, na noite desta última quinta-feira, a estreia do Festuris Live contou com a participação do Governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite. Antecipadamente, o projeto da Feira Internacional de Turismo de Gramado foi criado para discutir soluções para a retomada, conversando com autoridades e personalidades do setor. Dessa forma, mais de seis mil pessoas acompanharam a transmissão através do Instagram do @festurisgramado.

Precisamos oferecer segurança para receber turistas
Precisamos oferecer segurança para receber turistas – Marta Rossi, 1ª Dama do Turismo Nacional e Eduardo Zorzanello – Foto: Rafael Cavalli

Assim, em bate-papo com os CEOs do Festuris, Marta Rossi e Eduardo Zorzanello, o Governador Eduardo Leite falou sobre o Modelo de Distanciamento Social Controlado desenvolvido pelo Rio Grande do Sul, que vem servindo como referência nacional no enfrentamento à pandemia. Igualmente, em relação ao turismo, Leite destacou a necessidade de transmitir segurança aos futuros visitantes.

Forma racional

“Assim sendo, temos que nos envolver de forma mais racional com o distanciamento e monitorar os efeitos em cada setor. Portanto, se a gente não trabalhar isso com responsabilidade agora, fazendo essas restrições, o risco de perder controle é maior. Sob o mesmo ponto de vista, e ao perder controle, as perdas de vidas serão inevitáveis. Sendo assim, precisamos oferecer segurança para que possamos receber turistas ali na frente”, destacou Leite.

Em suma, o Governador também ressaltou o aumento de 60% na oferta de leitos de UTI no Rio Grande do Sul, inclusive com suporte na Serra Gaúcha, que recebe milhões de turistas anualmente. Igualmente, afirmou que o modelo de distanciamento controlado deverá guiar a liberação das atividades econômicas com um olhar específico para cada região gaúcha.

“Enfim, criamos uma forma de distanciamento que ao invés de parar tudo de qualquer maneira, vamos parar onde tiver que parar, na proporção que precisar. Igualmente, estamos estabelecendo protocolos diários e conversando com diversas entidades. Nosso modelo será composto por quatro bandeiras, de acordo com o indicador de disseminação do vírus e a capacidade hospitalar. Dessa forma, isso servirá também para o turismo, com a abertura parcial de empreendimentos hoteleiros e comércio”, explicou Leite.

Asaber, a primeira edição do Festuris Live teve o patrocínio do Parque Temático Mini Mundo e apoio do Estúdio Flashtop. A primeira vista, o projeto terá duas lives semanais e promete ampliar o contato com o mercado através de conteúdo que contribua para a retomada do setor turístico.

Leia aindaDia Nacional do Turismo – Nunca foi assim e nem voltará a ser

turismoonline.net.br - O portal do turismo
turismoonline.net.br – O portal do turismo, hotelaria, gastronomia, cultura, destinos e viagens – Anuncie aqui: colunaonline@gmail.com
Siga este jornalista e fotógrafo no Instagran: @jeff_severino
No Youtube também!

Whats.Link: Jefferson Severino

Fotos:  Baners– Divulgação / Arquivo Pessoal / Assessorias de Imprensa

Leia ainda:

Seguindo em frente e fazendo a diferença sempre

Jurerê Internacional lança campanha de doações para profissionais

Aeroporto Internacional de Florianópolis mantém malha aérea essencial

Cuidado, conjuntivite pode ser sinal de Covid-19

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *