DOR – A CADA UM O RESULTADO DAS SUAS PRÓPRIAS OBRAS
Marta

Dentro das inúmeras experiências evolutivas que o Espírito experimenta no seu processo de despertamento, a dor e as enfermidades possuem caráter profundamente educativos.
Regido por leis sábias e justas, nenhum ser pensante está sujeito a arbitrariedades divinas, assistindo desaguar na sua estrada provações e expiações a que não tenha vínculo de ações pretéritas.
Tudo no universo transpira equidade, harmonia, na busca incessante do aperfeiçoamento a que estamos todos fadados. Mesmo no caos, encontramos um convulsionar que desarranja uma ordem para situar os elementos em outra ordem, patrocinando no aparente conflito o surgimento de uma nova estrutura, a refletir faces não percebidas num primeiro momento.
Igualmente no seu longo processo de ascese, o ser espiritual sofre diferentes interferências de forças internas e externas que o obrigam a abandonar zonas enfermiças em direção a mais altas faixas de evolução.
A dor e as enfermidades constituem, via de regra, ferramentas de lapidação dos excessos agregados pelo ser em turbulência emocional, que tragado pela ilusão ou enceguecido pelas paixões se deixa arrastar para os paus da miséria moral, renteando com as faixas primitivas da evolução.
As enfermidades tanto podem se dar quando o ser está revestido de matéria densa ou no seu estado de ser livre do corpo perecível, circunstância essa que muitas vezes se assinala pelos distúrbios causados pela consciência de culpa, criando campo propício aos bacilos e vibriões de natureza psíquica, ainda desconhecidos da microbiologia terrestre.
São etapas que constrangem o ser a uma pausa na loucura que o domina. Noutras circunstâncias, são visitas da verdade, levando o ser a refazer caminhos e adotar novas posturas diante de si mesmo e dos demais.
Podem se dar também como requerimento do Espírito, desejando ofertar ao grupo familiar no qual está inserido exemplo de superação e estoicismo diante das adversidades da existência, tida por muitos como injustiça divina.
Muito mais magnânima é a lei de Deus do que possa imaginar nossa embotada consciência.
Ninguém sob dores imerecidas. Nenhuma doença sem base na lei de evolução ou no acervo de equívocos do ser na sua longa e milenar trajetória nas trilhas da evolução.
Sempre devolvido a cada um o resultado de suas próprias obras, lentamente acumuladas no tempo e no espaço das múltiplas vivências.
Em seu messianato de luz e de amor, tomado de infinita misericórdia pelas desgraças humanas, Jesus se valeu inúmeras vezes de seu alto poder magnético para socorrer e libertar dos grilhões do sofrimento muitos que estorcegavam sob o flagelo dos sofrimentos atrozes.
A outros, ofertou moratórias providenciais, facultando que estes, em contato com Sua doutrina de esclarecimento e amor pudessem refazer os caminhos, adotando novos ideais que chegavam ao mundo por Suas mãos de luz.
Mas todos que foram tocados por Seu amparo superior ou tiveram minorados seus males não se furtaram ao experimento das dores e das doenças típicas do mundo, igualmente rumando mais tarde para a verdadeira pátria, que é o mundo espiritual.
É possível que te vejas crucificado nas traves dos graves testemunhos. Que por mais que te conduzas com zelo, as patologias te ameaçam a coragem. Afigura-te que quanto mais oras, mais assombração aparece.
Tudo passa mais depressa do que podemos imaginar. Uma experiência física é fugaz segundo diante da eternidade.
A saúde real é aquela que se traduz na harmonia do ser em relação aos desígnios divinos.
Por isto, Jesus nunca esteve doente, não obstante o contato diário e próximo com tantas mazelas orgânicas de seus coevos.
Sua saúde integral interna o blindava contra a ação externa da fauna microbiana pestífera.
Reformula teus ideais existenciais.
Recorre à oração nos momentos decisivos.
Silencia tuas queixas.
Agradece o que tens e espera em confiança aquilo que anseias.
Bilhões de outros dariam tudo para estarem em teu lugar.
Vencida uma etapa, outra se apresenta, desafiadora e estimulante ao bom combate. Teu mundo íntimo é tua arena de lutas. Será dentro de ti que travarás a maior batalha, educando teu ego, libertando tua essência da ilusão e gravitando para os cimos da vida sem dívida alguma para com a retaguarda.
Não estás a sós. Muitos seguem contigo.
Jesus te espera.
Marta
Psicografia de Marcel Cadidé Mariano
Centro Espírita Caminho da Redenção
Mansão do Caminho
Instituição fundada por Divaldo Franco e Nilson a mais de 75 anos
Marcel também é trabalhador da Federação Espírita da Bahia a mais de 37 anos
Salvador, 08.12.2020

Leia ainda: Nossos momentos e escolhas. Nossos conflitos individuais e coletivos

Dor - A cada um o resultado das suas próprias obras
turismoonline.net.br – O portal do turismo, hotelaria, gastronomia, cultura, destinos e viagens – Anuncie aqui: colunaonline@gmail.com

Leia mais:

Contagem inteligente – Festival das Cataratas adota tecnologia anti-aglomeração

15º Festival das Cataratas com ambiente seguro é case de sucesso

Preparem o cartão de embarque, começou o 15ª Festival das Cataratas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *