Nada se perde, nada de cria, todo segue em grande transformação

TRANSFORMAÇÃO Marta Aos olhos apressados e pessimistas de muitos, o mundo regride em vez de avançar. O noticiário das relações humanas e o campo político das nações se apresenta conturbado e eivado de intolerância, qual panela de pressão sem escape da água em fervura crescente. As inquietações sociais produzem terríveisRead More →

Ditadura Juvenil - Novo comportamento estimulado pelos veículos de comunicação de massa

Ditadura Juvenil – Novo comportamento estimulado pelos veículos de comunicação de massa. A cultura hodierna exalta em demasia a juventude, oferecendo-lhe as mais belas contribuições para o prazer e o aplicar nas experiências imaturas dos compromissos para os quais ainda não se encontra psicologicamente preparada. Muito cedo se faz aRead More →

Notáveis avanços da ciência e da tecnologia permitiram mudanças

ASSIM CAMINHA A HUMANIDADE Marta Para muitos cristãos que se detiveram exclusivamente na literalidade dos textos examinados, algumas passagens da Boa Nova parecem carregadas de vaticínios inquietantes. Em mais de uma circunstância, Jesus se valeu de expressões vigorosas para referir-se ao futuro da humanidade. Rumores de guerra, estrelas caindo doRead More →

Uma sociedade que se verticalizou na inteligência e na tecnologia

EQUÍVOCOS DO MUNDO Marta Em tempo algum como o nosso, o homem foi aureolado por tão abundantes conquistas materiais. E no meio de uma sociedade que se verticalizou na inteligência e na tecnologia, experimenta as dolorosas interrogações de uma existência tão frágil. Amplificou as ciências que desenvolveu ao longo deRead More →

Essas maravilhosas Mulheres - Você pode não ficar incomodado, mas eu fico

Essas (maravilhosas) Mulheres, por Marcelo Henrique Você pode não ficar incomodado, mas eu fico! Porque se fala “o” Deus, e não “a” Deusa, para se referir (patriarcalmente) à origem divina do Universo. Você pode não ficar indignado, mas eu fico! Porque a religião cristã, derivada da judaica, concebeu como oRead More →